PORQUE VOCÊ DEVE ABANDONAR AGORA O MEDO DA CONCORRÊNCIA




Empreender tem se tornado o sonho de cada vez mais pessoas e apesar das dificuldades, principalmente no início do negócio, é preciso seguir em frente diante das dúvidas, medos e inseguranças.


A concorrência existe. Não interessa o quão exclusivo seja o seu produto ou serviço, você terá concorrentes. Mas isso nem de longe é algo ruim, pelo contrário.


Se o mercado está concorrido, significa que tem dinheiro circulando e sinceramente, você prefere não ter concorrentes e consequentemente, ter pouca movimentação de caixa ou prefere ter concorrentes e em compensação estar onde o dinheiro está?


Para isso você precisa criar o seu diferencial competitivo, ou seja, o que diferencia você da sua concorrência. Primeiro você precisa entender o que os seus clientes querem, depois identificar o grau de exclusividade do seu produto ou serviço e dedicar um tempo para quantificar, ou seja, criar relatórios com os números de crescimento do seu negócio.


Observar a concorrência também é fundamental. Você pode começar analisando as estratégias do passado e com base nelas, prever as ações do futuro. Outra boa dica é analisar os objetivos e a orientação da concorrência.


Alguns questionamentos que podem te ajudar:


1. Há quanto tempo estão no mercado?

2. Quanto eles cobram pelo produto ou serviço?

3. O produto deles é realmente bom?

4. A identidade visual deles é bem planejada e executada?

5. Eles têm um site legal?

6. Como eles se comportam nas redes sociais?

7. Em quais redes sociais eles estão presentes?

8. O público interage com as postagens?

9. Com que frequência eles postam?

10. Já ouviu – ou leu – alguém elogiando?

11. Alguém reclamando?

12. Já os viu solucionando um problema ou dúvida de algum cliente?


Depois de avaliar a sua concorrência, é hora de definir o nicho que você irá trabalhar.


O nicho é um grupo de pessoas que buscam uma solução em comum. É errado dizer que o seu nicho é o de loja de calçados. Isso é apenas um setor. O seu nicho seria loja de calçados para mulheres entre 25 e 45 anos que buscam conforto e design a preços acima da média.


Nicho se trata de pessoas, não de produtos.


Quando você entende o seu nicho, você passa a ser a ÚNICA opção do seu público. Como?


Voltemos ao exemplo da loja de sapatos. Se existe um concorrente próximo, a sua cliente tem duas opções para solucionar o problema dela. O que faria ela escolher a sua loja? Algo exclusivo seu, como a política de vender apenas sapatos veganos e cruelty free, por exemplo.


Entende? Quanto mais específico for o seu nicho, mais alinhado com o seu propósito você estará e consequentemente, menos medo da concorrência você terá.

ÚLTIMOS POSTS

Cadastre-se agora e receba gratuitamente atualizações, artigos e dicas exclusivas para assinantes!

INSTAGRAM

ENTRE EM CONTATO:

julianaalso.c@gmail.com

  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco

Powered by: Juliana Also | 2020