Cinco atitudes que lojas e brechós precisam tomar agora

As últimas semanas têm sido intensas! Mudanças mundiais com impactos na sociedade e na economia tem deixado no ar muitas dúvidas em relação ao que será dos negócios de agora em diante.

Trabalhar com moda será desafiador, mas se você tiver um pouquinho de resiliência e muita atitude, poderá sair dessa ilesa - ou quase.

No vídeo de hoje eu vou listar pra você as 5 atitudes que lojas e brechós devem tomar para sobreviver à crise mundial que estamos passando pro causa do coronavirus.

Se você tem uma loja ou brechó, esse vídeo é pra você!

Isso porque de agora em diante teremos pela frente muitas mudanças e a que mais impacta os negócios de moda é a mudança no estilo de consumo.

Mas calma! Antes que você se desespere eu vou compartilhar com você 5 atitudes que lojas e brechós devem tomar para contornar a queda de vendas agora, em meio à crise mundial que estamos vivendo.

CUIDADOS COM A HIGIENE

- Nós brasileiros sempre fomos calorosos: gostamos de abraçar, beijar, ficar perto das pessoas

- Mas o coronavírus trouxe consigo uma mudança extrema pra nós

- Não poder dar as mãos e passar a cumprimentar apenas acenando e de maneira mais “fria” é um exemplo

- Por isso, os cuidados com a higiene serão importantes nesse momento

- Prepare a sua loja, as suas peças, tudo!

- O menor sinal de sujeira pode acarretar a diminuição das vendas e consequentemente, dos lucros

DELIVERY

- A quarentena trouxe para a luz profissões que antes passavam despercebidas

- Trabalhar com delivery é uma excelente alternativa para manter as vendas a todo vapor

- Isso porque as pessoas passaram a comprar mais online

- Só na última semana as compras online cresceram 14%

- A prática que começou a se intensificar após a crise do coronavirus “obrigou” a maioria da população a ir atrás desse tipo de serviço

- Ao experimentar, as pessoas se deram conta da comodidade e investirão cada vez mais em compras online para receber no conforto de casa

CUIDADOS COM A EMBALAGEM

- Depois do seu Instagram, essa deve ser a sua máxima preocupação

- Isso porque as pessoas passarão a frequentar menos os estabelecimentos físicos e uma embalagem diferente e bem apresentável vai ser a grande responsável por criar uma conexão com o seu público

- Pegue referências, use a criatividade e surpreenda os seus clientes com pacotes sensoriais e que convidam à experiências diferentes

- Dica: use o pinterest para se inspirar

CRIAR CONTEÚDOS CONFIÁVEIS

- Sem lojas físicas, a maneira mais eficiente de vender é através das redes sociais

- E aqui não canso de falar que o conteúdo é a chave da conexão online entre marca e clientes

- Por isso, agora é o momento para investir cada vez mais em cons conteúdos e mais que isso, conteúdos confiáveis em meio à tantas fake news

- Cuidado com o que você propaga e tenha cada vez mais claro na sua mente que tipo de mensagem a sua marca deseja passar agora, principalmente nesse momento tão delicado na indústria da moda

ENTENDER O NOVO CONSUMO

- As coisas começaram a mudar e prometem continuar assim por um bom tempo

- Um novo tipo de consumo se formou e com ele, novos aprendizados

- É fato que as pessoas estão comprando menos, e quando compram, investem em itens de necessidade básica

- Mas não se assuste

- Entendendo esse novo consumo você pode traçar estratégias mais eficientes

- Mas não posso ser irresponsável e falar que você não vai sofrer nenhuma queda nas suas vendas, pode até ser que realmente nada mude na sua empresa, mas a grande maioria das empreendedoras já observaram essa mudança.

- Tente não se frustrar e principalmente, não se culpar

- Do mesmo jeito que você vai enfrentar essa crise, a grande maioria da população mundial também vai enfrentar

A minha indicação é estudar o mercado, observar, entender como você pode fazer parte desse novo consumo.

Muitas vezes uma pequena mudança ajuda, em outros casos é necessária uma dedicação maior, mas em ambos, o esforço se faz necessário.

Se você tem uma loja ou brechó, tomar essas atitudes básicas pode te ajudar muito à manter as suas vendas, ainda que em menor escala.

Além disso, seguindo essas dicas, a probabilidade de você sair dessa sem grandes arranhões é bem menor do que se você praticar o famoso marketing de esperança: você coloca o produto no mercado e torce pra ele ser vendido.

Aqui no canal tem muito conteúdo que também pode te ajudar, todos gratuitos e com um objetivo: ajudar negócios de moda a se tornarem parte da mudança e parar de transmitir um padrão ultrapassado em diversos segmentos, desde o consumo até os nossos corpos.

ÚLTIMOS POSTS

Cadastre-se agora e receba gratuitamente atualizações, artigos e dicas exclusivas para assinantes!

INSTAGRAM

ENTRE EM CONTATO:

julianaalso.c@gmail.com

  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco

Powered by: Juliana Also | 2020